Em comparação com os discos rígidos tradicionais, os SSDs apresentam desempenho superior. Existem vários tipos de SSDs no mercado, incluindo SSD SATA, SSD M.2 e SSD mSATA, entre outras opções. Nesta postagem, a MiniTool aborda alguns aspectos dos SSDs mSATA para ajudar você a escolher um SSD ideal para seus dispositivos.

Os SSDs ocupam um lugar de destaque no mercado, sendo mais populares que os HDDs e SSHDs. Com o desenvolvimento de novas tecnologias, o popular SSD pode ser encontrado em diferentes formatos, incluindo SSD SATA, SSD M.2, SSD mSATA, etc.

Neste post, vamos abordar e mostrar para vocês alguns aspectos dos SSDs mSATA. O que é e como ele funciona? Seu desempenho é superior ao de outros tipos, como SSD SATA e SSD M.2? Como testar seu desempenho e usá-lo em um PC com Windows? Continue lendo.

O Que é SSD mSATA?

Como o próprio nome indica, o SSD mSATA é o SSD que usa a especificação mSATA. A abreviação mSATA refere-se a mini-SATA e não a MicroSATA. Essa especificação desenvolvida pela Organização internacional SATA surgiu em 2011 para definir dispositivos ultrafinos.

A partir das informações acima, você pode inferir que o SSD mSATA possui tamanho reduzido, o que é verdade. Este tipo de SSD tem um formato menor que os SSDs SATA. Além de ser mais compacta, esta unidade também apresenta baixo consumo de energia.

SSD Kingston Msata

Capacidade do SSD mSATA

E quanto à capacidade do SSD mSATA? A princípio, esse SSD era comercializado em capacidades que variavam de 32 GB a 64 GB e, portanto, não era suficiente para armazenar muitos arquivos. Isso significa que os usuários precisavam preparar um disco rígido para armazenar arquivos ao usar este SSD a fim de diminuir o tempo de carregamento do sistema e dos programas.

Mas agora, graças aos esforços de algumas empresas, a capacidade dos SSDs mSATA foi ampliada em até 1 TB (como o SSD Samsung Electronics 850 EVO mSATA).

Velocidade do SSD mSATA

O desempenho é o fator mais importante ao planejar a aquisição de um SSD para nossos dispositivos. As velocidades sequenciais de leitura e gravação estão intimamente relacionadas ao desempenho do disco, pois são padrões de acesso. De forma mais específica, elas se referem à quantidade de dados que uma unidade pode acessar e gravar em megabytes por segundo. O SSD mSATA atual funciona usando o SATA III e atinge velocidades de até 6Gb/s.

Se você quiser testar o desempenho da sua unidade, pode utilizar algumas ferramentas confiáveis disponíveis no mercado, como o MiniTool Partition Wizard. O tutorial detalhado sobre como testar uma unidade com esta ferramenta será mostrado na penúltima parte deste post.

Confiabilidade do SSD mSATA

Geralmente, o SSD mSATA com flash SLC oferece a melhor confiabilidade para armazenamento de dados, enquanto aqueles com flash MLC podem oferecer maior capacidade, mas menos confiabilidade.

Observe que SLC e MLC estão relacionados à capacidade de armazenamento e custo. Para saber mais sobre eles, você pode ler essa postagem.

Dispositivos SSD mSATA

Embora o SSD mSATA tenha sido projetado inicialmente para uso em dispositivos ultrafinos, como notebooks e laptops, ele agora também pode ser encontrado em uma ampla variedade de produtos comerciais.

Comparações Entre SSD mSATA e Outros Tipos de SSDs

Com o desenvolvimento de cada vez mais tecnologias, os SSDs podem apresentar interfaces diferentes, como os SSDs SATA e SSDs M.2 disponíveis no mercado. Quais são as diferenças entre os vários tipos de SSDs? A seguir, faremos uma comparação detalhada dividida em dois pares: SSD mSATA X SATA e SSD mSATA X M.2. Vamos conferir uma a uma.

SSD mSATA vs. SSD SATA

O SATA vem sendo utilizado há um bom tempo como o padrão mais alto para conectividade de unidades. O mSATA segue as especificações determinadas pelo SATA-IO, assim como o SATA. Isso significa que os conectores mSATA e SATA devem atender à mesma especificação, independentemente do fabricante.

As duas interfaces de disco usam a ATA (Advanced Technology Attachment ou Conexão por Tecnologia Avançada) como comando para transferências de dados entre o dispositivo host e o dispositivo de armazenamento.

Portanto, você deve estar familiarizado com a forma como o mSATA atua em um dispositivo se já utilizou um disco rígido SATA.

Embora eles tenham alguns pontos comuns, ainda existem algumas diferenças.

Tamanho

Em termos de formato (a principal diferença), o SSD mSATA é obviamente menor que o SSD SATA. O primeiro fica alojado em uma caixa de 2,5 polegadas, enquanto o segundo tem aproximadamente o tamanho de um cartão de visita e só pode caber em dispositivos maiores.

Capacidade

A capacidade de armazenamento é determinada pelo tamanho da unidade. Limitado pelo formato pequeno, o SSD mSATA é inferior ao SATA de tamanho normal nesse aspecto.

Desempenho

Os SSDs mSATA e SATA oferecem as mesmas velocidades de leitura e gravação se forem fabricados na mesma classe de velocidade.

SSD mSATA X SSD M.2

O formato M.2 surgiu em 2013, cerca de dois anos após o formato mSATA. Ambos os tipos de SSDs são projetados para uso com dispositivos pequenos, incluindo notebooks e tablets, e apresentam alto desempenho.

Quais são as diferenças entre eles? Confira a seguir.

Capacidade

A maioria dos SSDs M.2 possui até 2TB. Quanto a este aspecto, o SSD M.2 é superior ao SSD mSATA, embora ambos tenham formato reduzido.

Desempenho

Os SSDs M.2 podem estender a taxa de dados além dos 6 Gb/s, que é o limite alcançado pelos SSDs mSATA.

Artigo recomendado: SSD M.2 ou SSD SATA: Qual é o Mais Adequado Para Seu PC?

SSDs mSATA Recomendados Com Diferentes Capacidades

Se o seu notebook ultrafino suporta apenas SSDs mSATA, você deve descobrir qual o SSD ideal para seu dispositivo e adquirir uma unidade conforme as especificações que melhor se adequam às suas necessidades. Aqui, recomendamos vários SSDs mSATA com capacidades diferentes para orientar melhor a sua escolha.

SSD mSATA de 256 GB

Um SSD de 256 GB é a melhor escolha para uso como sua unidade principal se você não pretende armazenar muitos arquivos grandes. Se você deseja adquirir um SSD mSATA de 256 GB, pode escolher entre as seguintes opções.

1. SSD Crucial m4 mSATA 256 GB

O SSD Crucial m4 mSATA oferece o desempenho e a confiabilidade premiados do SSD Crucial m4. Ele possui construção leve, economia de energia inerente, durabilidade para viagens e validação para o fator de forma Intel Smart.

Mais detalhes sobre o Crucial m4 SSD mSATA 256GB:

  • Interface: SATA Revision 3.0 (6Gb/s) compatível com interface SATA 3Gb/s;
  • Desempenho de leitura: Até 500 MB/s.
  • Desempenho de gravação: Até 260 MB/s.
  • Garantia: 3 anos.
  • Preço: Desconhecido.

2. Samsung 860 EVO MZ-M6E250BW

Você já deve ter ouvido falar da série Samsung EVO. Esta série tem um bom desempenho, trazendo o SSD mSATA Samsung 860 EVO MZ-M6E250BW que possui 250 GB. A instalação dessa unidade em seu sistema é bastante fácil e requer pouco tempo de trabalho.

Mais detalhes sobre o Samsung 860 EVO MZ-M6E250BW:

  • Interface: Interface SATA 6 Gb/s, compatível com interface SATA 3 Gb/s e SATA 1,5 Gb/s.
  • Velocidade de Leitura/Gravação Sequencial: até 550 Mb/s / 520 Mb/s.
  • Velocidade de Leitura/Gravação Aleatória: até 97.000 IOPS /88.000 IOPS.
  • Garantia: 5 anos.
  • Preço: US$ 67,99 na loja americana da Samsung (no momento da redação deste post).

SSD mSATA de 500 GB

Para a maioria dos usuários, 500 Gb são suficientes para armazenar arquivos pessoais.

1. SSD mSATA Samsung

O primeiro SSD mSATA de 500 GB recomendado também é da Samsung. Esta unidade tem as mesmas especificações do SSD Samsung mSATA mostrado acima. De forma geral, o tamanho determina a diferença no preço, e este Samsung SSD mSATA 500GB custa pelo menos US$ 93,17 com 5 anos de garantia.

2. SSD INDMEM DMMS mSATA

O segundo SSD mSATA de 500GB recomendado é da INDMEM. O nome completo desta unidade é SSD mSATA INDMEM DMMS. Ela é alimentada por um Chip MLC Flash 3D NAND, Master Control SMI. Com ECC integrado e algoritmo médio, esta unidade também possui um sistema de gerenciamento de blocos defeituosos com função de fórmula de correção de erros.

Mais detalhes sobre o SSD mSATA INDMEM DMMS:

  • Interface: SATA III 6Gb/s.
  • Velocidade de Leitura/Gravação Sequencial: até 550 MB/s e 280 MB/s, respectivamente.
  • Garantia: 2 anos.
  • Preço: US$ 76,99 na Amazon (até o momento da redação).

SSD mSATA de 1TB

1. Samsung 860 EVO MZ-M6E1T0BW

Se você busca um SSD mSATA de 1 TB, também pode experimentar os produtos da Samsung. Nossa primeira recomendação é o Samsung 860 EVO MZ-M6E1T0BW, que está à venda por US$ 156.

2. Samsung 850 EVO V-NAND

A segunda recomendação é o Samsung 850 EVO V-NAND. Confira a seguir os detalhes sobre este SSD mSATA.

  • Interface: SATA 6 Gb/s, compatível com interface SATA 3 Gb/s e SATA 1,5 Gb/s.
  • Velocidade de Leitura e Gravação Sequencial: até 540Mb/s e 520Mb/s, respectivamente.
  • Garantia: 5 anos oferecidos pela marca.
  • Preço: Desconhecido.
Observação: Procure sempre dar preferência a marcas conhecidas e confiáveis ao adquirir uma unidade para seu dispositivo.

Artigo recomendado: Melhor SSD Interno de 1 TB Para Notebook e Desktop

Como Testar e Usar o SSD mSATA em um PC com Windows

Após adquirir um SSD mSATA, você pode testar seu desempenho por conta própria com algumas ferramentas de benchmark de disco. Quanto ao uso do espaço da unidade, discutiremos este aspecto mais tarde.

Teste o Desempenho da Unidade

Para testar o desempenho do SSD mSATA com facilidade, experimente o MiniTool Partition Wizard. Com esse programa, o processo de teste pode ser concluído em poucos cliques.

Confira abaixo o tutorial detalhado para testar o desempenho do SSD mSATA com o MiniTool Partition Wizard.

Passo 1: Conecte a unidade ao seu computador usando o gabinete da unidade.

Passo 2: Baixe o MiniTool Partition Wizard clicando no botão a seguir. Instale o programa em seu computador e inicie-o para acessar sua interface principal.

Download grátis

Passo 3: Confira o Mapa do Disco e certifique-se de que a unidade está carregada. Em seguida, clique em Benchmark de Disco na barra de ferramentas.

clique em Referência de disco

Passo 4: Na janela do Benchmark de disco, selecione a unidade que deseja testar e configure os parâmetros (clique aqui para saber o que significam). Em seguida, clique no botão Iniciar. Neste exemplo, usaremos a unidade C.

clique no botão Iniciar

Aguarde pacientemente até que o programa termine o teste de desempenho da unidade e verifique o resultado.

Funções do SSD mSATA

O SSD mSATA pode ser utilizado para três propósitos principais. Quais são eles?

# Uso como unidade do sistema

Esta finalidade vem se tornando cada vez mais popular, pois a capacidade deste tipo de unidade sofreu um aumento considerável. Seu uso como disco do sistema pode aumentar o desempenho do computador.

Como usar o SSD mSATA como unidade do sistema? Siga estas três etapas.

Passo 1: Instale o SSD em seu computador com cuidado.

  • Abra o gabinete da CPU usando chaves de fenda.
  • Encontre a porta mSATA em sua placa-mãe e fixe a unidade na porta.
  • Feche o gabinete.

Passo 2: Migre seu sistema e outros arquivos da unidade original do sistema para o SSD mSATA.

Para executar essa tarefa, você também pode utilizar o MiniTool Partition Wizard. Este programa conta com um assistente de Migração de SO para SSD/HD que pode ajudá-lo a concluir a migração do sistema e dos seus arquivos com segurança e facilidade.

Ative o recurso Migrate OS to SSD/HD Wizard

Confira um tutorial detalhado na postagem Como Transferir o Windows 10 para SSD sem Reinstalar o Sistema Operacional. Basta seguir os passos com atenção.

# Uso para armazenamento externo

Se você quer adquirir um SSD melhor para usá-lo como armazenamento externo, precisará preparar um gabinete de unidade para ele. Em comparação com as unidades flash USB tradicionais, o SSD é uma opção melhor para armazenar seus dados. Se você tem dúvidas sobre o uso do SSD para esta finalidade, leia essa postagem.

# Uso como cache do disco rígido (buffer de disco)

Essa finalidade é comumente utilizada por quem precisa da grande capacidade dos discos rígidos tradicionais sem abrir mão da velocidade do SSD mSATA e tem orçamento limitado.

O que é o SSD mSATA? Ele funciona melhor do que outros SSDs? Como usá-lo em um PC com Windows? Confira esta postagem para obter respostas a essas perguntas.Clique para tweetar

Conclusão

Nesta postagem, detalhamos para você as principais informações sobre o SSD mSATA. Se você ainda tiver perguntas relacionadas ao SSD mSATA, compartilhe conosco na seção de comentários abaixo. Caso encontre problemas ao testar o desempenho do SSD ou migrar o sistema e os arquivos para o novo dispositivo, entre em contato conosco pelo e-mail [email protected]. Nós responderemos o mais breve possível.

  • Linkedin
  • Reddit